“Vamos todos com fé, a São Francisco das Chagas do feliz Canindé”

A experiência de São Francisco das Chagas com Jesus Cristo, depois de 800 anos ainda atraí multidões e em Canindé isso acontece de maneira especial. Todos os anos romeiros de diversos lugares do Brasil e do mundo acorrem ao magnífico Santuário de Canindé, cheios de fé e insigne devoção, inspirados pelo amor de São Francisco para com os mais esquecidos.

O Padroeiro canindeense apaixonado pelo Evangelho do Senhor viveu com profundo amor os ensinamentos contidos nele. Por isso, definiu como Regra: “viver o Santo Evangelho”. O reitor do Santuário frei Marconi de Araújo, OFM, em sua palavra inicial, traz um trecho da Regra Franciscana que está em sintonia com o tema da Festa: “Atribuamos ao Senhor Deus Altíssimo todos os bens reconheçamos que todos os bens lhe pertencem. Demos lhe graças por tudo, pois, Dele procedem todos os bens”.

Chegada do Painel de São Francisco a Praça dos Romeiros – Foto: Jander Silva/Pascom

Na segunda novena, dia 26 de setembro, a pregação foi feita pelo frade Capuchinho, frei Éderson Queiroz, ele lembrou que Canindé acolhe a segunda maior festa franciscana do mundo, por isso, é chamada carinhosamente de: “Assis do Brasil”. O sub-tema da noite, “quer a paz, faça o bem”, segundo o religioso é provocativo para o mundo atual, dilacerado em guerras. “De São Francisco aprendemos, quer paz, faça o bem! A paz na experiência bíblica é a revelação de um Deus que se faz plenamente presente na história de seu povo”, pontua o frade.

O Estado homenageado Rio Grande Norte apresenta belezas culturais, gastronômicas e religiosas. Os responsáveis pela noite, Movimentos dos Sem Terra, Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Agricultores e Agricultoras Familiares do município, fizeram uma sensibilização cobrando políticas públicas de melhorias para o campo e de outras problemáticas sociais. No espírito franciscano continuemos na paz e no Sumo Bem, celebrando o ilustre cidadão dos Sertões de Canindé.

Compartilhe

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter

Leia Também